fbpx

Tendo em vista que nosso momento social leva as pessoas a terem um profundo comprometimento com seus próprios interesses e prioridades pessoais, ou seja, uma visão de mundo que estabelece, sem a menor preocupação, seus interesses próprios como a prioridade do momento.

Diante disso, gerar o compromisso real das pessoas com o resultado não é uma missão fácil, nem para as empresas nem para suas lideranças.

Aprender como trabalhar e buscar resultados através de gente dentro dessa nova realidade requer uma drástica mudança na visão das organizações e de suas lideranças, pois nessa perspectiva não adianta tentar convencer as pessoas a firmarem um compromisso com algo que elas não consideram do interesse delas. A simples mentalidade de ter um trabalho e garantir sua sobrevivência e dinheiro no final do mês, não funciona mais e não estabelece o nível de compromisso necessário para que as empresas possam manter e principalmente escalar seus negócios.

A nova dimensão dos compromissos é gerada a partir de experiências e sentimentos de pertencer a algo maior, e essa deve ser a grande virada na visão das empresas e seus líderes, pois essa fará a grande diferença na forma com a qual as pessoas se doaram ao trabalho e aos desafios existentes neles.

Então como fazer as pessoas agirem em suas metas e objetivos profissionais com o sentimento de prioridade pessoal? Como se fossem as próprias donas da missão? Pertencendo a algo maior do que o que é estabelecido e construído nas legislações que regulam o capital e as pessoas?

O caminho para aumentar o sentimento de pertencer nas pessoas são trabalhos voltados a envolvê-las nas estratégias empresariais, adotando uma gestão mais colaborativa e participativa, e principalmente apoiada em um sólido conjunto de valores organizacionais que estimularam as pessoas a uma mudança de pensamento e por sua vez uma mudança em seus hábitos, fortalecendo a cultura organizacional como parte de sua vida, ganhando assim prioridade em seu foco de interesse, o que aumenta significativamente seu grau e doação e envolvimento no negócio, fazendo assim toda a diferença em seu comprometimento.